quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Fino Coletivo


FINO COLETIVO

Uma união inusitada entre Alagoas e Rio de Janeiro é a trama de sete músicos


A história da banda começou em meados de 2005, após encontro dos alagoanos Wado e Alvinho Cabral, do projeto "Wado e Realismo Fantástico", com o compositor carioca Marcelo Frota, o Momo.

Passada uma fase de troca de experiências entre a dupla nordestina e o músico carioca, surgiu então a idéia do trio juntar suas turmas. Wado e Cabral apresentaram ao grupo Adriano Siri, da banda Santo Samba. Marcelo levou o também carioca Alvinho Lancellotti, compositor e parceiro de longa data.

Estava formado o quinteto, num caso de afinidade à primeira vista. As composições surgiram com naturalidade, até o despertar de uma nova empreitada.
Com um repertório inédito e inovador nas mãos, era preciso convocar mais dois amigos: o baixista Daniel Medeiros, também responsável pelas programações, e o baterista Marcus Coruja.

Depois de azeitar o repertório e sonoridade em apresentações no eixo Rio-São Paulo, a banda sentiu-se à vontade para a gravação do disco de estréia, homônimo, que será lançado em abril pela DUBAS.

São doze músicas inéditas, de composição própria, e parcerias com Ivor Lancellotti e Totonho dos Cabra. O CD conta ainda com participação especial de Domenico Lancellotti, do projeto “+2”.
Por conta de projetos pessoais Wado e Marcelo Frota não estão mais na banda, porém continuam presentes nas composições.

FINO COLETIVO é:

Adriano Siri – voz / Alvinho Cabral – guitarra e voz / Alvinho Lancelloti – voz / Daniel Medeiros – baixo e voz / Marcus Coruja – bateria /

Download: Fino Coletivo

sábado, 5 de dezembro de 2009

Jimmy Page and The Black Crowes




CD 1
01 - Celebration Day
02 - Custard Pie
03 - Sick Again
04 - What Is And What Should Never Be
05 - Woke Up This Morning
06 - Shapes Of Things Come
07 - Sloppy Drunk
08 - Ten Years Gone
09 - In My Time Of Dying
10 - Your Time Is Gonna Come

CD 2
01 - The Lemon Song
02 - Nobody's Fault But Mine
03 - Heartbreaker
04 - Hey Hey What Can I Do
05 - Mellow Down Easy
06 - Oh Well
07 - Shake Your Money Maker
08 - You Shook Me
09 - Out On The Tiles
10 - Whole Lotta Love


quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Burro Morto -Varadouro



Groove, rock, jazz, psicodelia, música latina, africana…são muitas as nuances musicais perceptíveis no som do Burro Morto. A banda paraibana formada por King Size Paper (microkorg e escaleta), Big Daniel (contrabaixo), Nacho Gonçalves (percussão), Ruy José (bateria) e Léo Marinho (guitarra), tem uma pegada ácida e agitada: nunca deixa a poeira baixar!


Download: Varadouro

sábado, 14 de novembro de 2009

The Skatalites

Os Pais do Ska!

Download: The Skatalites-Rolling Steady




Novalima - Coba Coba

Desde a sua formação em 2001, Novalima vem rompendo fronteiras, unindo gêneros aparentemente inconciliáveis, comunidades e gerações para criar um movimento inspirador que revolucionou o cenário musical nos seus nativos do Peru. Fundada por quatro amigos de Lima com uma paixão compartilhada por ambos da música afro-peruano e cultura moderna dos djs, Novalima pesquisa para o terreno comum entre passado e futuro, entre tradição e inovação. Os seus esforços contribuíram igualmente para integrar a comunidade afro-peruana, uma minoria da população que tem lutado contra a discriminação e à ameaça de dissolução culturais para gerações.Embora o seu som é futurista e de vanguarda, as raízes da Novalima volta para trás centenas de anos aos tempos da escravidão e colonial espanhol. Escravos foram trazidos para o Peru, até meados do século 19, que estabelece um posto avançado da cultura na América do Sul Africano. Ao longo dos anos, a alma e os ritmos de África lotados com as melodias e instrumentos da Europa e dos Andes. O resultado é rico repertório musical que existe há gerações na periferia da cultura popular peruana.

Download: Novalima

SENHA: Chumancera

sábado, 7 de novembro de 2009

Dengue Fever


Dengue Fever é uma banda norte-americana que toca música com sotaque do Camboja. Tudo começou quando Zac Holtzman, norte-americano, viajou para o sudeste asiático e conheceu o rock Cambojano dos anos 60.De volta à Los Angeles, Zac e o irmão Ethan Holtzman, decidiram que iriam formar uma banda para tocar covers daquelas canções cambojanas. Para isso precisavam encontrar alguém que pudesse cantar em khmer, idioma local. Os irmãos encontraram uma legítima cambojana no bairro Little Camboja, em Long Beach. Chhom Nimol já era cantora na terra natal, mas morava há alguns anos nos Estados Unidos.A banda então foi formada por Zac na guitarra e vocais, Ethan no órgão farfisa, Chhom nos vocais, Senon Williams no baixo, David Ralicke nos sopros e Paul Smith na bateria. Dengue Fever foi o nome escolhido para banda, e também batizou o primeiro disco em 2003. Nesse disco, a banda gravou apenas covers do rock cambojano dos anos 60.O segundo disco, ‘Escape from Dragon House’ de 2005, já tinha composições próprias, mas todas as faixas ainda eram cantadas em Khmer. O terceiro disco veio em 2007, ‘Venus on Earth’, e já mostrava composições em inglês que mesclam rock psicodélico com a música cambojana tradicional.
Download:


segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Protesto


Coletânea feita para servir de trilha sonora para o ato público da greve dos residentes de ortopedia do Hospital Getúlio Vargas - Pe em prol dos pacientes amontoados na sala de recuperação.

01- O Guarani - OBMJ
02- Livre Iniciativa - Mundo Livre S/A
03- Politicar - Tom Zé
04- Get Up Stand Up - Bob Marley
05 - Zumbi - Jonge Ben
06- Botaram Tanta Fumaça - Tom Zé
07- Vozes da Seca - Quinteto Violado
08- Eu To Cansado Dessa Merda - Eddie
09- Briga de Foice - Dr. Raiz
10- No Caminho do Bem - Tim Maia
11- O Mundo - Ney Mato Grosso e Pedro Luis
12- Fé Cega, Faca Amolada - Ney Mato Grosso e Pedro Luis
13- Vitimas da Sociedade - Leci Brandão e Otto
14- Disparada- Adauto Santos
15- Apesar de você - Chico Buarque
16- Da Lama ao Caos - Chico Science e Nação Zumbi
17- Até Quando - Gabriel O Pensador
18- Pra Não Dizer Que Não Falei de Flores - Geraldo Vandré
19- Besta é Tu - Novos Bahianos
20- Roda Viva - Chico Buarque
21- Desordem - Titâs

Download: Protesto.rar




sábado, 31 de outubro de 2009

Quantic And His Combo Barbaro




Tradition in Transition- Gravado em Cali, Colômbia, é o novo album do Quantic And His Combo Barbaro. Ele vem unir as suas origens caribenhas, africanas e latino-americanas com o psicodelismo, soul, funk e expermentalismo através da reunião de um elenco internacional.

Download: Quantic And His Combo Barbaro

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

The Phenomenal Handclap Band



The Phenomenal Handclap Band vem unir a musicalidade dos últimos 40 anos com a soma de iguais partes de psicodelia, proto-disco, heavy rock,soul anos 60 e hip hop.

Download: The_Phenomenal_Handclap_Band-The_Phenomenal_Handclap_Band-(Advance)-2009-DV8.rar



quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Reisado dos Irmãos Discípulos de Mestre Pedro








Breve História do Reisado
Reisado Grupos que homenageiam os reis magos. É um auto-natalino, fusão dos ranchos de reis com as congadas e bumba-meu-boi. Em outros lugares, chamam de guerreiro, folia e turundu.

Representa, em ritmos e trajes, jornadas épicas das eras remotas dos gladiadores. Os trajes são aberrantes e espalhafatosos. São vestidos enfeitados com predominância do vermelho, chapéus afunilados, capas e espadas simbolizando os guerreiros de outrora. As lantejoulas, espelho e fitas multicoloridas, areia prateada, etc., são os principais adornos. Usam sapatos de borracha e meiões.

O reisado do Cariri é, sem dúvida, imensamente rico da fragmentada cultura popular da região.

A viola e a sanfona, são os instrumentos típicos do reisado caririense, o baião é a música mais tocada no folguedo segue-lhe a marcha e a valsa. A música do baião tem bastante influencia portuguesa, tendo chegado no Cariri, através da Bahia.

O grupo é formado, normalmente, por dezenove figuras centrais assim distribuídas:

Dois Mateus - figuras cômicas das apresentações; Uma Lica - que representa a megera;Um tocador de viola Um mestre que comanda a brincadeira; Um contra-mestre; O rei; A rainha - somente, às vezes, aparece no reisado; dois embaixadores e, 10 figu
Reisado Grupos que homenageiam os reis magos. É um auto-natalino, fusão dos ranchos de reis com as congadas e bumba-meu-boi. Em outros lugares, chamam de guerreiro, folia e turundu.

Representa, em ritmos e trajes, jornadas épicas das eras remotas dos gladiadores. Os trajes são aberrantes e espalhafatosos. São vestidos enfeitados com predominância do vermelho, chapéus afunilados, capas e espadas simbolizando os guerreiros de outrora. As lantejoulas, espelho e fitas multicoloridas, areia prateada, etc., são os principais adornos. Usam sapatos de borracha e meiões.

O reisado do Cariri é, sem dúvida, imensamente rico da fragmentada cultura popular da região.

A viola e a sanfona, são os instrumentos típicos do reisado caririense, o baião é a música mais tocada no folguedo segue-lhe a marcha e a valsa. A música do baião tem bastante influencia portuguesa, tendo chegado no Cariri, através da Bahia.

O grupo é formado, normalmente, por dezenove figuras centrais assim distribuídas:

Dois Mateus - figuras cômicas das apresentações; Uma Lica - que representa a megera;Um tocador de viola Um mestre que comanda a brincadeira; Um contra-mestre; O rei; A rainha - somente, às vezes, aparece no reisado; dois embaixadores e, 10 figurantes - elementos que fazem parte do coro e de várias danças.

As peças cantadas são geralmente criações dos próprios “mestres”. Temos também as figuras que acompanham o Reisado: o boi; o jaraguá; a sereia; o sapo e, várias outras. No município do Crato, contamos com os seguintes grupos: Mestre Dedé Luna, sendo este formado por mulheres; Mestre Aldemir - famoso por suas excursões, tem suas atividades no Baixio Verde; Mestre Pedro - na Vila Lobo
rantes - elementos que fazem parte do coro e de várias danças.



Escrito por Reisado do Muriti


Download: Reisado dos Irmaos Discipulos de Mestre Pedro.rar



Dr.Raiz



Originário do Cariri, região situada ao sul do estado do Ceará, o Dr.Raiz vem desde 1998 desenvolvendo um trabalho de identidade, através da vivência com os grupos locais de cultura popular tradicional. Construindo, assim, sua autenticidade a partir da leitura e releitura de seu regionalismo. Inspirada por essas manifestações somadas a diverso gêneros musicais, o Dr.Raiz leva ao palco a magia dos reisados, o ritmo das bandas cabaçais e uma forte e empolgante dose do que há de melhor em nossa música, como forró pé-de-serra, o maracatu, o coco, a embolada, a cantoria... A misticidade que gira em torno do imaginário popular nordestino, proporciona ao grupo uma excelente desenvoltura nos diversos aspectos que envolvem seu espetáculo. Em suas apresentações, seus integrantes realizam performances de teatro e dança, munidos de figurino característico que representam suas tradições, lendas, folguedos, história e personagens locais. O show do grupo conta ainda com uma peculiar sonoridade, provinda de instrumentos diversos, como: violão, guitarra, sanfona, pífanos, pandeiro, zabumba etc., alguns deles característicos da região, produzidos artesanalmente por mestres da cultura popular caririense.



DR. RAIZ – CARIRI.CE. BRASIL


1- Abaianada (Domínio Público) – (Banda Cabaçal Santo Antonio-Mestre Chico)

2- Cantoria de reis (Antonio Queiroz/Junior Boca)

3- Estrela de prata (Dudé Casado)

4- Margarida (Dudé Casado/Junior Boca)

5- Nordestino/Introdução (Dudé Casado)

6- Nordestino (Na beira do mar) (Dudé Casado)

7- Portal do Cangaço (Dudé Casado)

8- Borboletas azuis –Prelúdio ( Dudé Casado)

9- Borboletas azuis – Aves de Jesus (Dudé Casado)

10- Rabo de boi (dudé Casado)

11- Briga de Foice (Júnior Boca)

12- Caldeirão da Santa Cruz do Deserto (Dudé Casado/Hélio Ferraz)

13- A última toada (Dudé Casado)

14- Trotto (Domínio Público) Música medieval – Anônimo- Itália - Século XIV

15- Tocaia (Júnior Boca)

16- Bendito seja (Dudé Casado/Júnior Boca)

17- Rabo de Boi (Forró dos Vêi)


Download: Dr. Raiz