sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Gogol Bordello - Gypsy Punks: Underdog World Strike


Gogol Bordello é uma banda nova-iorquina formada no ano de 1999, que faz um estilo de música que pode ser chamado de punk-cigano.


O grupo é composto por músicos de várias etnias. Os músicos da banda são da Ucrânia, Russia, China, Estados Unidos, Israel e Etiópia.

Membros:

Eugene Hütz (vocals, acoustic guitar, percussion, fire bucket) - Ucrânia

Sergey Ryabtsev (violin, backing vocals) - Rússia

Yuri Lemeshev (accordion, backing vocals) - Rússia
Oren Kaplan (guitar, backing vocals) - Israel

Thomas Gobena (bass[5] backing vocals) - Etiópia

Eliot Ferguson (drums, backing vocals) – Flórida, USA

Pamela Jintana Racine (percussion, backing vocals, Dance, general performance) - Thai-American

Elizabeth Sun (percussion, backing vocals, Dance, general performance) - Chinese Scottish

Pedro Erazo (percussion, MC) - Equador

Stevhen Iancu (accordion) - Japanese-Romanian, a fill-in for Yuri Lemeshev and also of the gypsy-punk bands Reverend Glasseye, Romashka and Dolomites

 
Download: Gypsy Punks



sábado, 9 de janeiro de 2010

Nação Zumbi e Seu Jorge ( Almaz )



 Bater pênalti parece mole, mas além de também ser gol, precisa de técnica. Com o projeto de versões Almaz, Seu Jorge dá mostras (mais uma vez) do quanto ele domina o que faz, não apenas nos aspectos artísticos. Sabe identificar os desejos do seu público antes mesmo dele próprio e não tem pudor nenhum em entregar o que a galera quer. O Circo Voador com 3 mil pessoas no sábado comprova.

Ruim seria um resultado impossível. Além da presença do próprio Seu Jorge, ao se fazer acompanhar por Lucio Maia, Dengue, Pupillo e Da Lua – a Nação Zumbi quase inteira, com direito a um salve a Du Peixe pelo empréstimo – até “Atirei O Pau No Gato” soaria sensacional. Ao vivo, a banda dá um banho no disco.

Como um Mark Ronson da Zona Sul carioca, o repertório cuidadosamente escolhido equilibra o cool e o popular, canções manjadas ou alternativas, dependendo a quem se pergunta: Kraftwerk (“The Model”), Tim Maia (“Cristina”), Michael Jackson (“Rock With You”), Roy Ayers (“Everybody Loves The Sunshine”), Jorge Ben (“Errare Humanus Est”), etc.

A grande sacada é justamente oferecer sons que fazem a “massa” se sentir “por dentro” ao reconhecê-las, ao mesmo tempo que são aprovadas pelos “entendidos”. O sucesso da Orquestra Imperial ou do Los Sebosos Postizos passa pelo mesmo caminho. A tal “cultura do DJ” também é isso aí.

A seleção eclética do Almaz é espelho de um artista que fagocita tudo que o interessa – a pose do Fela, a pegada do Gil, o apelo do Michael, o suinge do Ben – e devolve um resultado essencialmente pop. O objetivo é tão claro, desde os tempos do Farofa Carioca, que espanta a patrulha em cima do Seu Jorge.

A constante cobrança para que tome caminhos mais “cabeça” (e tomes aspas hoje, hein) muitas vezes vem de pessoas que reverenciam os mesmos ídolos pop de quem Seu Jorge pega emprestado. Esperar qualquer outra coisa é ignorar a trajetória do artista que promete lançar um disco de “Músicas Para Churrasco Vol. 1″ ao mesmo tempo que diz que vai tocar com Roy Ayers no próximo festival Back2Black, ficou conhecido mundialmente no cinema, põe o Akon pra sambar no Jools Holland, o Alexandre Pires para sambalançar ou arrasa, com Ana Carolina, a música de Damien Rice (essa também não era difícil).

As críticas vem mesmo quando Seu Jorge busca o tal cabecismo, a sua maneira, tentando “educar” o “grande público” com um projeto como Almaz. Perto do final do show, após introduzir a banda e antes de emendar em “Mas Que Nada” (Jorge Ben), ele se apresenta: “eu sou Jorge Mario da Silva, de Belford Roxo para todo o planeta, geral!”.

Seu Jorge está pouco se importando com quem o critica. Faz bem ele. Ninguém é obrigado a ouvir o que ele toca.

1 - Almaz - Errare Humano Est (Jorge Ben)
2 - Almaz - Cristina (Tim Maia)
3 - Almaz - Everybody Loves the Sunshine (Roy Ayers)
4 - Almaz - Saudosa Bahia (Noriel Vilela)
5 - Almaz - The Model (Kraftwerk)
6 - Almaz - Tempo de Amor (Vinicius de Moraes e Baden Powell)
7 - Almaz - Tudo Cabe Num Beijo (Altemar Dutra)
8 - Almaz - Pai João (Tribo Massai)
9 - Almaz - Girl You Move Me (Cane and Able) ** Não Tenho Certeza **
10 - Almaz - Rock with you (Michael Jackson)
11 - Almaz - Cirandar (Martinho da Vila)
12 - Almaz - Juízo Final (Nelson Cavaquinho)
13 - Almaz - (Reprise da faixa 09, sem vocal)
14 - Instituto (part.Lúcio Maia & Jorge du Peixe) - Gafieira na Avenida (Eddie)
15 - Sonantes - Carimbó (Nação Zumbi)
16 - Sonantes - Quilombo Te Espera
17 - Instituto (part. Rica Amabis e Los Sebosos Postizos) - Solaris
18 - Los Sebosos Postizos - 2736 Km




domingo, 3 de janeiro de 2010

Ratos de Porão - Feijoada Acidente? Brasil


Para relembrar a infância, um exelente cd de hardcore com a reunião dos grandes clássicos do punk nacional tocados pelo RDP.


1. Câncer (Hino Mortal)
2. Olho de Gato (Olho Seco)
3. Lobotomia (Lobotomia)
4. John Travolta (AI-5)
5. Não Podemos Falar (R.D.P.)
6. Desemprego (Fogo Cruzado)
7. Capitalismo (Psychic Possessor)
8. A Bomba (R.D.P.)
9. Falsa Liberdade (Olho Seco)
10. Tô Tenso (Patife Band)
11. Buracos Suburbanos (Psykóze)
12. Corrupção (R.D.P.)
13. Papai Noel (Garotos Podres)
14. Medo de Morrer (Inocentes)
15. O Dotadão Deve Morrer
16. Só Pensa em Matar (R.D.P.)
17. Os Ratos (Anarkólatras)
18. Classe Dominante (Restos De Nada)
19. Direito de Fumar (R.D.P.)
20. Nós Somos A Turma (R.D.P.)


Download: Ratos de Porão-Feijoada Acidente? Brasil

sábado, 2 de janeiro de 2010

Geraldo Júnior - Calendário (O tempo e o vento)


Geraldo Junior - Calendário (O Tempo e o Vento)

Cantor, compositor, instrumentista e ator, Geraldo Junior apresenta um trabalho que pulsa ancestralidade. Seu show se confunde com um ritual, fundindo elementos tradicionais em urbanos. Força e delicadeza evidenciando as referências a sua terra natal, o Cariri Cearense. Sua obra parte do sertão, mas logo também se monstra fortemente urbana, assim, o poeta aglutina as artes populares através de uma leitura contemporânea, aliando suas várias influências da música do mundo e da própria música brasileira, servindo-se de elementos tradicionais como ferramenta para fundir e resignificar todas essas linguagens: Música de terreiro, reisado, banda de pífano, coco, cantoria, benditos, música virtual, eletrônica, digital, rave, drumbase, rock'n'roll... Expressão ilimitada de possibilidades. Tudo isso em um espetáculo de música, dança e performance.
Dane de Jade

Ficha Técnica - Calendário (O Tempo e o Vento)

Álbum gravado em 2006/2007 no Ibbertsom Estúdio no Crato CE - Região do Cariri.
Produzido por Geraldo Junior
Arranjos de Beto Lemos
Direção Beto Lemos e Geraldo Junior
Mixado e masterização por Ibbertson Nobre
Fica técnica:
Produzido por Geraldo Junior
Arranjos de Beto Lemos
Direção Beto Lemos e Geraldo Junior
Projeto gráfico de George Belisário
Músicos:
Geraldo Junior - voz, flauta, percussão
Beto Lemos - violão, viola, cavaco, rabeca e percussão
Antonio Queiroz - baixo
Genival do Cedro - sanfona
Rubens Darlan - zabumba
Flauberto Gomes - percussão
Cícero Tertuliano - percussão
Participações especiais:
Joana Queiroz - clarinete e vocal
Rebeca Queiroz - flauta e vocal
Francisco Gomide - pandeiro
Maria Gomide - vocal
Lifanco - violão e arranjo
Evanio Soares - pifano, viola e vocal
Muito além de uma aparente linguagem do que é chamado e vendido no mercado fonográfico com o rótulo de forró pé-de-serra, o disco essencialmente trás elementos dos folguedos do Cariri, em sua diversificada formação de figuras e instrumentos, como: pífanos, rabecas, sanfonas, violões, violas, cavacos, zabumbas, caixas de guerra, pratos, maracas, tambores... Como integrantes de tais grupos, Beto Lemos e Geraldo Junior, inevitavelmente teceram o "Calendário (O Tempo e o Vento) com as forças matrizes dos terreiros ancestrais (dos índios) do Cariri, por entre os grupos de tradição de sua terra, seus mestres, brincantes de reisados, bandas de pífano, bacamarteiros, coquistas, penitentes, beatos, cantadores, emboladores, violeiros, rezas e renovações, e muito mais!
Antes de vários nomes que poderiam ser citados como agradecimento: Os músicos (como parceiros - o disco é de todos nós), Ibbertson Nobre (como co-produtor), o apoio da Sec. de Cultura do Ceará, URCA - Universidade Regional do Cariri (através de Carlos Rafael Dias), SESC Ceará, a Oficina Casa Do Alto, a Ong Beatos e também, principalmente, aos mestres e brincantes dos grupos de cultura popular do Cariri, por sua força, resistência, poesia e sabedoria!

Geraldo Junior - Calendário (O tempo e o vento)
2008

01 Num trovejo de vontade (Geraldo Junior)
02 Paixão de abril (Geraldo Junior)
03 Chuva de janeiro (Geraldo Junior)
04 Minha violinha (Geraldo Junior)
05 Mistério vento (Geraldo Junior)
06 Ridimúin (Janada aérea) (Geraldo Junior)
07 Marimar (Geraldo Junior)
08 O nosso amor (Geraldo Junior)
09 Filhos da mãe d´água (Geraldo Junior)
10 Piscar de saudade (Geraldo Junior)
11 Menestrel do mundo (Geraldo Junior)
12 Doido do horto (Geraldo Junior)
13 Despedida do guerreiro (Geraldo Junior)

Download: Calendário (O Tempo e o Vento)




sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Otto - MTV Apresenta (2005) Audio do DVD


O primeiro DVD do percurssionista e cantor pernambucano Otto é uma retrospectiva da sua carreira-solo, gravado ao vivo em São Paulo e chega às lojas com o selo "MTV Apresenta". Com três discos gravados, Otto é conhecido por sua criatividade artística. O registro destaca seu carisma no palco e é uma boa oportunidade para o público conhecer sua sempre inspirada performancea ao vivo. Otto dança, gira, pula, faz declarações inusitadas e divertidas, enquanto destila sua mistura de música brasileira e regional, com eletrônica, pop e rock. Ao lado de Pupilo, Male e Marco Axé (Nação Zumbi), Catatau ( Cidadão Instigado), Ganjaman ( Instituto), Ryan (Instituto), Carranca ( ex-Shiek Tosado), Boca e João Carlos, ele apresentea novos arranjos para composições com "Bob" (com citações de "Rios, Pontes e Overdrives" de Chico Science e Fred 04), " O Celular de Nana", "Renult/Pegeout", "Cuba", " Dias de Janeiro", "Tento entender" e "Pra ser Só Minha Mulher", regravação de Ronni Von.
Lista das Músicas:
1- Anjos do Asfalto
2- Lavanda
3- Tento Entender
4- Dias de Janeiro
5- Por que
6- Retratista
7- Ciranda de Maluco
8- Pout Porri - O Celuar de Naná / Uma tarde no norte / Único Sino
9- Tv a Cabo / O que dá lá é lama
10- Bob
11- Pra quem tá quente
12- Indaguei a mente
13- Pra ser só minha mulher
14- Nebulosa
15- Cuba ( Participação especial: MV Bill)
16- Ranault/ Pegeot
17- Low
Download: MTV - Apresenta